Parte III

Na terceira e última parte, são apresentados exemplos de estudos que com diferentes perspectivas contribuem para a análise de políticas de saúde. São explorados os caminhos e escolhas dos estudos: as questões de pesquisa, o uso de técnicas, as definições de tempo e recursos a serem utilizados, as implicações do pesquisador e os desafios e dificuldades para a realização dos estudos. Trata-se, então, do que denominamos ‘bastidores da pesquisa’, visando trazer para debate o processo de construção das pesquisas nos seus diferentes enfoques.

Breves reflexões sobre os caminhos da pesquisa

Olá, Base de Dados, poderia me dar uma indicação?

Análise textual com o programa ALCESTE

Sobre o uso de técnicas estatísticas na análise de políticas

Como temos armado e efetivado nossos estudos, que fundamentalmente investigam políticas e práticas sociais de gestão e de saúde?

Viagem cartográfica: pelos trilhos e desvios

Considerações Metodológicas sobre a Técnica da Observação Participante

Propaganda de Medicamentos

O conhecer militante do sujeito implicado: o desafio em reconhecê-lo como saber válido.

About Felipe Cavalcanti